Resumo da Sessão do dia 08/09/11 em Conceição do Jacuípe
A sessão foi marcada por comentários sobre a CIPE, que é a taxa sobre a iluminação pública da cidade. Todos os vereadores estavam presentes.

Vereadora Nirete – Fala da emenda da Lei Orgânica do município, que esta com parecer favorável das comissões, ainda sobre os repasses recebidos pela prefeitura de janeiro julho, R$ 11.000.340,00 (Mais de onze milhões). Também a vereadora comenta sobre solicitação da Vereadora Flávia sobre centro oncológico.
A vereadora comenta sobre projeto do Vereador Jodilson referente a redução da CIPE e diz que aprendeu com isso, pois ela não sabia que os vereadores podiam legislar sobre a CIPE, e cita exemplo seu quando na gestão de João Barros, em 2006, ela pediu justamente isso, tendo a resposta que essa era uma atribuição do Executivo. Inclusive ela comenta de uma reunião que teve com os vereadores e a atual prefeita no dia 14/02/2009, sendo que a atual prefeita prometeu enviar à Câmara um projeto de lei para diminuir o percentual da CIPE, porém até hoje nada.
Também a vereadora diz que a instalação da CIPE na cidade, com os valores atuais, foi atribuída a Câmara, mas os vereadores não eram a favor, porém a culpa foi motivada pela falta de “Traquejo” da presidente da Câmara, na época Selma Morais, que incluiu a CIPE no Código Tributário, ocasionando que os vereadores votaram ele junto com o código, mas foi por falta de traquejo, porém agora tem os vereadores, através do projeto do Vereador Jodilson a condição de rever esse erro.
A edil destaca que enviou oficio à prefeitura pedindo a lista dos profissionais da educação que foram beneficiados com a passagem para o regime de 40 horas, e diz estar satisfeita, pois recebeu resposta, uma lista de 64 funcionários beneficiados, sendo até a mais do mínimo que a lei exige, 22 pessoas a mais. Ela elogia a Secretária Marlene pela presteza, inclusive citando o exemplo de uma professora cujo enquadramento é um ato justo, pois ele merece, porém a vereadora comenta de um beneficiado que esta na lista, contudo não tem exercido a função, sendo conhecida dela, entretanto não citará o nome.
Finalizando, a vereadora se desculpa por não ter podido ir ao hasteamento da Bandeira, sendo esta a primeira vez que não pode ir, porém foi por motivos de saúde.


Verador Deiró – Ele fala sobre o parecer da emenda da lei orgânica que determina o limite máximo de 13 vereadores para a cidade, também comenta da condição de na modificação da Lei Orgânica ser adicionado uma regra para impedir a reeleição de presidente da mesa. Ainda ele fala sobre o resumo dos valores recebidos pela prefeitura entre janeiro e julho de 2001.
Sobre o centro oncológico em Conceição do Jacuípe, ele fala dos repasses da saúde e diz que o valor que a cidade repassa para o Hospital Aristides Maltes em Salvador é muito pouco, pelo serviço que presta a cidade, R$ 450,00, devendo esse valor ser aumentado.
Sobre a CIPE com a alteração da taxa de iluminação pública, ele diz precisa analisar e entender melhor. Contudo ele congratula a Vereadora Nirete pela lembrança da reunião em 2009, com a prefeita, onde foi feita a promessa de redução da CIP, promessa de campanha, que até hoje não foi cumprida, contudo o vereador diz que é a favor da redução da taxa da CIPE para 5%, tanto na zona rural, quanto urbana.
Aproveitando o ensejo ele fala sobre a iluminação precária em todos os bairros, que estão todos as escuras e espera melhoras.
O vereador fala sobre as invasões na cidade, que nenhuma providencia foi tomada, pedindo solicitação de informações a entrada da questão no Ministério Público.
Ele cita o Loteamento Homerindo Bezerra, Ana Azevedo Morais e Parque Santa Cruz (URBIS I), dizendo que não vai se calar, vai continuar fazendo denuncias. Sendo tudo que ele fala é com provas.
Continuando o Vereador Deiró diz nunca ter feito calunias, não tem medo e sempre respeitou todos os vereadores para ser respeitado em contrapartida. Que não aceita que qualquer vereador seja destratado como ele o foi, sendo isso falta de decoro, respeito e coleguismo.
Finalizando ele diz que suas criticas são construtivas e ajudam o poder municipal, que as vezes não tem o conhecimento do fato, porém qualquer vereador pode fazer o mesmo, é só querer. Também ele diz que nunca foi puxa saco de prefeito, e cita exemplo que na gestão do Prefeito João Barros foi, em repudio, três anos sem ir a prefeitura, por discordar da administração dele. Continuando com sua luta ele ira enviar oficio pedindo a manutenção das estradas vicinais, sendo que qualquer denuncia ele estará disposto a falar.


Vereador Nadinho – Ele diz que tem coisa que a gente vê e se omite. Porém ele parabeniza o Vereador Deiró pela coragem de denunciar as invasões.
Entretanto o vereador deve saber quem é o invasor, falando do muro da Almirante Bezerra, sendo que se é para derrubar um, se derrube os três.
Ainda o vereador elogia o colega Deiró por não ter sido acometido pela amnésia.
O edil fala que a Câmara é uma tribuna livre, contanto que não falte o decoro, sendo que na casa tem lutador de boxe e capoerista.
Finalizando ele diz que ali é a casa da cidade e tem de ter respeito a todos.


Vereadora Flávia – Ela fala sobre as correspondências, sobre as verbas da súde e resumo demonstrativo do que a prefeitura recebeu no primeiro semestre, de janeiro a julho, R$ 11.000.340,00 (Onze milhões trezentos e quarenta reais).
Sobre sua solicitação do centro oncológico, ela diz que pediu para ser instalado no hospital para facilitar, porém a prefeitura pode instalar em outro lugar. Sendo que hoje quimioterapia é feita em vários hospitais, podendo ser feita na cidade. Ela ainda pede apoio dos vereadores para o projeto. Também ela comenta que os tratamentos de saúde são caros necessitando de apoio público para amenizar essa situação.
A vereadora elogia o vereador Jodilson sobre o projeto da CIPE, sendo que constando aos consumidores abaixo de 100Kw não pagaria a CIPE. Também elogia o projeto dos bancos, esperando que surta efeito.
Quanto as invasões, ela comenta que pediu para ser feita uma comissão para ir aos loteamentos (05), que estão sendo aprovados, identificando-se os locais que são institucionais, porém até hoje ninguém se dispões para isso.
Falando sobre o Almerindo Bezerra vai pedir que seja construída uma praça, comentando que as doações feitas devem ser feita alguma coisa nelas, caso contrario devem ser entregues a quem faça algo nesses terrenos.
Finalizando, a vereadora pede desculpas por não ter ido ao desfile, mas foi por causa do falecimento de uma pessoa próxima.


Vereador Jodilson – Ela fala sobre projeto de sua autoria que pede redução de 50% da CIPE, com isenção para consumidores de até 100 Kw. A redução do percentual é para 7,5%, o vereador destaca que o projeto foi acompanhado pelo setor jurídico da Casa
Ainda ele destaca que nunca foi a favor da CIPE pedindo apoio das comissões e de todos os vereadores.
Continuando o Vereador Jodilson diz que em novembro de 2010, falou do projeto dele em parceria com a Mondial e o Município, referente a instalação de ventiladores, e no dia 03/01/11 a Mondial respondeu aprovando o pedido, solicitando uma reunião, reunião esta que já aconteceu.
A Mondial pedio instalações de tomadas na reunião, porém já estamos em setembro/2011 e até hoje a prefeitura não respondeu, ele já encaminhou oficio a prefeita, mas esta completando 01 ano e a Mondial esta cobrando, pois esta parecendo um desrespeito a fabrica.
Também o vereador lembra que fez uma parceria com a GeegNet, para instalação de um infocentro na Gameleira, onde a GeegNet doa os computadores, mas esta faltando a contrapartida da prefeitura com a sala.
O edil diz que esta pedindo através de oficio o escacalhamento das estradas vicinais e cita que algumas ruas a exemplo da Av. Berimbau esta intransitável, lembrado que o vereador Xavier mora naquela área, e que do jeito que esta não pode ficar.

Finalizando o vereador diz dar apoio a indicação da Vereadora Flávia sobre o centro oncológico e aproveita para lembrar da entrega da Lei das Obrigações Bancaria, que os bancos tem até o dia 30 de novembro/2001 para adequá-la.


Vereador João Filho – Ele parabeniza o diretor do CEMEC pelo desfile, sendo muita coragem colocar uma escola sozinho na rua.
O vereador comenta que o coreto nesses eventos é fechar as praças para o transito de veículos, alertando que o aniversario da cidade e outros eventos na cidade esse cuidado deve ser tomado.
Sobre o episodio da semana passada, onde os vereadores se desentenderam, ele diz que foi depois da sessão, não caracterizando falta de decoro, porém ele elogia os radialista, destacando o da Rádio Sociedade, que cobriu o acontecimento de forma profissional.
Ele respaldado no comentário do radialista de Feira de Santana, diz que o vereador devem passar o respeito devido ao povo, também diz que o Vereador Deiró merece respeito como os demais vereadores também.
O Presidente da Câmara avisa sobre o Baldez, que a Câmara já autorizou a prefeitura a fazer a obra, porém a prefeita fará uma reunião com a população do bairro neste dia 09/09 no Colégio do Baldez para explicar a situação e as providencias que tomará.

Veja as demais sessões

Comente dê sua opinião
Comentários:

E quero só ver o que é que vão se fazer com essas áreas desocupadas que segundo vocês fora invadida, pq se o loteamento é planejado e tem nele uma área istitucional o dono do lugar tem por obrigação de fazer algo nesse lugar se pertence a prefeitura faça-se saber disso, vão lá saber, perguntar a comunidade o que é de mais preciso no lugar e fazer.
Saúde, lazer, informação, cultura, a prefeitura tem que fazer acontecer não só retirando e destruindo o que foi construido nesse lugar por alguém que movido por senso de justiça vai lá e constroi o seu casebre.
Tá aí, eles fingem que trabalham e nós devemos também fingir que estamos acreditando.

Ivan


Vejo é um de faz nada que só quer ganhar no mole

Nacumany


comentadores de plantão o que temos que fazê é votar no certo então aprenda quando o sujeito vem pedi o seu voto pesquiza antes quem é ele, oxe depois num ten jeito reclamar tem que aguenta 4 ano

ze do bolo


PARTICIPO CONSTANTEMENTE DAS SESSÕES DA CAMARA, O QUE EU VEJO É UMA FALTA DE COMPETENCIA GIGANTESCA DA MAIORIA DOS VEREADORES, DEVERIA EXISTE UMA LEI QUE EXIGE PELO MENOS O ENSINO MEDIO PARA OS VEREADORES, INFELIZMENTE BERIMBAU ESTÁ ENTREGUE AS MOSCAS.

birimba


vereadores cadê o dinheiro dos professores que estamos sem receber? o de vocês já está no bolso de vocês sem fazer nada só sabem brigar e não faz nada pela cidade com exceção de dois vereadores

Angelica bastos dias


Ao agrado de todos é impossível, mais é possível notar que ha um trabalho contínuo e permanente por parte dos senhores Vereadores!

Francisco F

-----------------------------14878692327085 Content-Disposition: form-data; name="file2"; filename="sessao110.htm" Content-Type: text/html 110ª Sessão Ordinária
Resumo da Sessão do dia 01/09/11 em Conceição do Jacuípe

Com o vereador Burrego ausente a sessão foi marcada por denuncias gravíssimas, mas no final, lamentavelmente, uma discussão entre os vereadores Duda e Deiró fez com que a Câmara parecesse mais um circo de luta livre.

Vereadora Nirete – Ela inicia falando da indicação para pavimentação de ruas e também sobre a base da caixa do Tabuleiro do Picado, que esta condenada.
Continuando ela comenta sobre oficio seu, enviado a prefeitura pedindo respostas sobre as péssimas condições dos ônibus, oficio este baseado em sua fiscalização dos ônibus (nº 90 e 110). Que ela teve informação que a prefeitura os tirou de circulação e colocou outros. Segundo ela os ônibus estavam com visíveis más condições.
A vereadora diz que não tem chefe de transporte no município, coisa lamentável, e que por ocasião de sua fiscalização aos ônibus, os funcionários ficaram com receio de deixá-la entrar, deixaram, mas tiveram receio. Porém eles realmente tinham razão do receio, pois a qualquer reivindicação eles são oprimidos.
Porém ela enfatiza, que devido a sua função de vereadora, ela não pode ser impedida de entrar em qualquer local público, não vai aceitar a repreensão e pode até ir ao Ministério Público.
A vereadora fala que a Câmara foi visitada no mês de agosto, por uns alunos da Pindoba, trazidos por sua professora, e por conta disso a professora tem sofrido repressão. O cato se deu por que um dos alunos pediu a ela que resolvesse o problema da merenda na escola dele, que estava ruim, reivindicando frutas na merenda, porém era uma criança e a professora não teve nada com a queixa aluno, mas esta sendo perseguida por isso. Coisa de ditadura.
A vereadora diz que esta tendo muito arroz com soja, que a merenda prescisa ser mais fiscalizada. Também esta havendo muita queixas de atrasos nos salários, dos agentes comunitários e até diretores de escolas com atrasos de 02 meses.
Sobre o concurso ela diz estar preocupada, principalmente nos pontos dos salários estipulados, porém os valores estipulados no edital não eram de competência do Legislativo, mas sim do Executivo, eles só aprovaram o concurso. Porém existem indícios de que pode haver irregularidade.
A vereadora cita que ao visitar o site jacuipenoticias, viu o comentário de uma pessoa pedindo para que ela não se vende-se. Ela respondendo a esta pessoa disse que não se vende nunca e tranqüiliza esta pessoa informando, que esta questão de valores é do executivo, mas nada impede o Legislativo de comentar e fiscalizar o concurso.


Vereador Deiró – Ele fala sobre o asfalto na Rua Sete de Setembro, local que esta perigoso e sem acostamento.
Falando sobre os atrasos nos salários dos Agentes de Saúde, ele fala dos valores que chegaram para o pagamento dos agentes, R$ 41.250,00 referente ao mês 07, não justificando o atraso. Mas gostaria que eles estivesses na Câmara para cobrarem seus salários atrasados. Ele cobra o salário atrasado mas o povo não comparece.
Quanto ao som alto, ele fala da Secretária de Meio Ambiente, que quando era vereadora ajudou a elaborar a lei, mas agora na secretaria não tem tomado providencias com o barulho do sol alto, que já esta indo para a zona rural.
Sobre a denuncia por ele feito que um pedreiro recebeu R$ 15.000,00, para a construção de uma casa na Gameleira, que ele comprovou juntamente com o presidente da Câmara. O vereador compara o valor recebido por um pedreiro que esta construindo casas na Coreio, que a mão de obra dele é de R$ 1.500,00 e com o ajudante fica R$ 2.000,00, coisa muito discordante dos R$ 15.000,00 de Mao de obra para este outro pedreiro construir uma casa popular.
Ainda o vereador fala da invasão da casa, cujo projeto de doação de terreno foi rejeitada por unanimidade pela Câmara, porém a pessoa continua lá, caracterizando total desrespeito pela lei e pela Câmara.
Quanto a saúde, ele fala que sempre vai cobrar uma melhora nas condições de atendimento da cidade, pois atualmente pela falta de condições médicas locais tem de levar pacientes para oura cidade, mas agora tem de ser escondido, devido as fiscalizações da Policia Rodoviária. Ele cobra a Unidade Móvel da Saúde, que a prefeita enviou oficio a ele dizendo que em maio/2011 estaria pronta, mas já estamos em 1 de setembro e nada.
Mais ainda que o Hospital não esta fazendo ECJ, insto ele conferiu no próprio dia, também não tem Raio X e pede que não deixar para o ano da eleição a colocação de médicos e relata que o PSF do Picado estava fechado, confirmando isso que passou as 14:00h e verificou.
O vereador finaliza comentando a denuncia da vereadora Nirete sobre perseguição. Que ninguém pode punir um vereador por fazer sua função de fiscalizar, que não estamos na China, onde quem fala é punido, não sendo admissível que a professora e o motorista sejam punidos, pois no Brasil temos liberdade.


Vereador Nadinho – Ele diz que o vereador Deiró deve ter cuidado com a saúde, que ele pode ter um infarto pois viu as suas veias alteradas.
O vereador disse que estava na Lotérica fazendo uma fezinha, quando sentiu o cheiro de ônibus novo, que chegou um, mas na próxima semana chegará outro.
Sobre a ser ou não o Líder da Prefeita ele diz que não recebeu convite nenhum, e finaliza dizendo que o estádio esta uma beleza parece um shopping, mas pedirá a reforma da Praça da URBIS que esta muita estragada e feia.


Vereadora Flávia – Ela comenta que as indicações feitas pelo Vereador Jodilson lhe parecem bem feitas.
Sobre a saúde a vereadora diz que a cidade prescisa de um centro de oncologia, pois tem muita gente com câncer na cidade, e a cidade gasta muito com transporte, sendo assim a instalação de uma clinica para fazer quimioterapia iria facilitar muito para os pacientes, além de ser uma grande economia para o município que gasta com o transporte dos mesmos. Por isso ela ira fazer uma indicação neste sentido.
A vereadora diz estar indignada com a represaria sofrida pela professora. Ela explica que esteve com a Secretária Marlene, fazendo o pedido do aluno, que era simples, de se ter mais frutas na merenda.
Porém ela afirma que tem casos em que o suco é água pura, que já fizeram queixas a ela.
Quanto ao concurso ela esclarece que os vereadores aprovaram o Projeto de Lei do Concurso e não o edital. Porém os salários realmente esta baixo e com os descontos ficarão menores.
Ela diz que também existem adicionais que aumentarão os salários, mas eles passas a existir só depois de 05 anos, em algumas cidades são a partir de 02 anos, mas em Conceição do Jacuípe são com 05 anos.
Finalizando a vereadora chama a discussão para a questão da carga horária dos professores, que pode ser melhorada.


Vereador Jodilson – Ela fala que é dedicado ao profissional de educação física e inicio da semana da pátria.
Ele agradece o parecer favorável a seus projetos pedindo apoio dos vereadores para a sua aprovação, que são a pavimentação de 03 ruas.
O vereador cita a Rua General Osório que uma empresa quebrou para a colocação de uma rede de drenagem, mas não consertou. Assim ele vai notificar por escrito a empresa.
Sobre a base da caixa d’água do Tabuleiro do Picado que esta condenada, não podendo receber água, tendo da bomba jogar água diretamente para as casa, por isso a bomba queimou 02 vezes em julho e esta arriscada a queimar de novo pelo esforço.
O Edil fala que encaminhou no dia anterior ao Banco do Brasil copia das leis por ele criadas sobre o atendimento bancário.
Porém o vereador mostra seu desagravo e critica a srª Cristiane Medeiros Lima, que não o recebeu no Banco do Brasil, dizendo que estava ocupada, mas ele viu duas pessoas sendo atendidas na sua frente, sendo inclusive uma dessas pessoas funcionaria da Câmara. Assim ele pede que os vereadores e a população para cobrarem e fiscalizarem o Banco do Brasil que tem 90 dias para cumprir a lei.
Em contrapartida ele disse que foi bem atendido no Bradesco, que o gerente disse até que esta devendo uma visita a Câmara.


Na foto acima o vereador Jodilson (de vermelho) entrega ao Gerente do Bradesco Giliard copias das Leis nº 504 e 496/2001, Leis estas elaboradas pelo vereador. Estas copias também foram entregues no Banco do Brasil.

Ainda o vereador critica os deputados que aprovaram a privatização dos cartórios, citando que uma certidão que de casamento que custa R$ 27,00 em Conceição do Jacuípe, em Minas Gerais que é privatizado os cartórios, custa R$ 230,00. Que este é o presente dos deputados estaduais.
Quanto ao Planserv ele diz que é um absurdo, uma ignorância do Governo, e fala de Zé Neto que nunca pisou em Berimbau e teve mais de 500 votos, foi um dos participantes disso.
Finalizando ele fala de emenda de Bira Coroa sobre uma quadra poli-esportiva no Baldez, que ele vai buscar mais informações e verificar se pode trazê-la para cá.


Vereador Duda – A fala do vereador Duda esta resumida na imagem abaixo, caso queira mais detalhes click nela.

Veja as demais sessões

Comente dê sua opinião
Comentários:

Esses vereadores estão recebendo um enorme salario sem fazer nada. Olhe a cara de Nirete que diz ser professora

Ana Rita Leite


Pelo amor de Deus onde nos vamos para com esses vereadores,tudo um bando de molengas fala, fala não toma atitude nenhuma te mais e que fazer uma limpeza geral varrer tudo e colocar gente nova chega dessa mesmice e quanto a o vereador Nadinho tu é mesmo um b*** o** de primeira cara de pau

nacumany