Jovem que matou namorada com beiju envenenado em São Gonçalo cumprirá pena no Melo Matos
A Polícia Civil de São Gonçalo dos Campos cumpriu na manhã desta quinta-feira, 14/03/19, o mandado de busca e apreensão expedido pelo juízo de direito da vara dos efeitos da infância e juventude desta comarca, Dr. João Batista, em nome de Matheus Alves Oliveira, 20 anos, autor do assassinato de Deiziane Soares Cerqueira, no dia 28 de maio de 2014, nesta cidade. 

À época do crime, Deiziane, que também era menor de idade e namorada de Matheus, estava grávida e foi envenenada com um beiju com “chumbinho”, um produto clandestino, irregularmente utilizado como raticida. Após ingerir o alimento, a garota passou mal, foi socorrida para o hospital municipal, mas acabou não resistindo e morreu rapidamente.

Com a investigação da PC, o envenenamento foi comprovado através de exames e perícia realizados pelo IML. Foi instaurado o inquérito e encaminhado para a justiça, e, após 4 anos, Matheus Alves Oliveira, que aguardava em liberdade o desenrolar do processo, foi sentenciado ao internamento para cumprir medida socioeducativa na Comunidade de Atendimento Socioeducativo Juiz de Melo Matos (CASE) e Feira de Santana.

De acordo com o investigador de polícia civil, Weliton Bastos, chefe do Serviço de Investigação (SI) da Delegacia Territorial (DT) de São Gonçalo, a sentença será cumprida no Melo Matos porque à época do crime Matheus era menor de idade. O período de internamento na CASE é de no máximo 3 anos, porém o caso em questão será acompanhado pelo juiz da vara competente responsável pela CASE que irá definir o período de internamento de Matheus.



Por Sandro Araújo (São Gonçalo Agora), com imagem reprodução.