Em Amélia Rodrigues mulher morre e populares se precipitam acusando filho de matricídio

Na manhã desta quarta-feira, 26 de julho de 2017, em Amélia Rodrigues, no Bairro do Itapicuru, uma mulher de 49 anos veio a óbito, sendo que surgiu a denuncia de que o próprio filho teria sido o causador da morte.

A guarda municipal de Amélia Rodrigues foi acionada para que este jovem de 29 anos, fosse recolhido à delegacia, para a preservação do mesmo e apuração dos fatos.

O filho da falecida negou as acusações, indicando que sua mãe tinha falecido devido a complicações relativo a mesma ser alcoólatra, tendo falecido em virtude disso.

O corpo da senhora foi recolhido ao DPT (Departamento de Policia Técnica), onde em averiguações iniciais, ficou entendido que a falecida não morreu em virtude de espancamento, levando a crer que esta tenha morrido em virtude de um ataque epilético.

Em investigações preliminares foi constado realmente que a falecida tinha problemas com álcool, o que pode ter gerado este ataque epilético ou ainda problemas de cirrose hepática.

Vale salientar que as investigações ainda estão em processo, onde o DPT dará um laudo definitivo, e a Policia Civil concluirá todo o processo, antes disso qualquer ato é pura precipitação.

O comandante da PM pede que a população denuncie mais para que a Polícia possa fazer um trabalho cada vez melhor.
(75) 9.8231-8231( WHATSAPP): 9.9107-3307; 9.8267-6466; 3242-2111.
PC: (75) 3242-3928

A identidade do cidadão será preservada.


-Comente esta notícia dê sua opinião!
Nome:

E-mail:

Comentário:
- Oferecimento: ID Profile, a identidade virtual que você precisava! www.idprofile.org .
Nenhum comentrio foi postado via Jacuipe Notcias, seja o primeiro a comentar!

©2009 Jacuípe Notícias, todos os direitos reservados

Jacupe Noticias